Publicado em

O medo de errar nos rouba a tentativa de realização. Ele pode ser resultado da observação de erros e traumas dos que já tentaram antes, por exemplo, dos pais. E pode ser o contrário, resultado da observação de realizações tão significativas e satisfatórias que nos fazem temer não conseguir o mesmo sucesso.
A vida não perdoa o medo. No fim, todos os outros erros podem ser perdoados, menos o medo de viver.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *