Publicado em

LUTA, LUTO E VIDA.

Davi sabia que seu filho estava à beira da morte, então pôs-se a clamar a Deus insistentemente, para que seu filho não morresse. Quando o menino morreu, ele levantou-se de sua luta, tomou banho, saiu de seu quarto e procurou sua esposa para gerarem outro filho.
Não me canso de extrair significados desta história!
Enquanto há um fio de esperança, clamamos a Deus pela cura de quem amamos. Não desistimos, enquanto há um sopro de vida. Choramos, lutamos, acreditamos, até o fim.
E quando morre, uma vez vivido o tempo adequado do luto, levantamos e recomeçamos, vamos viver tudo de novo, porque é o que nos cabe fazer.
Tudo a seu tempo e a seu modo.
2015 Alexandre Robles

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *