Publicado em

Enquanto a gente se preocupa em ter razão, não terá ouvidos emocionais para ouvir a voz da necessidade real do outro.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *